quinta-feira, 23 de julho de 2009

Deixaram de atingir Sua presença, embora Seu advento lhes fosse prometido no Livro de Isaías, bem como nos Livros dos Profetas e dos Mensageiros.

Deixaram de atingir Sua presença, embora Seu advento lhes fosse prometido no Livro de Isaías, bem como nos Livros dos Profetas e dos Mensageiros.

É mais uma crítica aos mais proeminentes de entre o Povo, aqueles que estudavam as Escrituras, que falharam no reconhecimento do Prometido. Poderá ser entendido também como um aviso para o povo cristão não permitir que os eruditos de entre os seus os impeçam de reconhecer aquele que veio na “Glória do Pai”. Ou seja, o reconhecimento do Prometido não carece da aceitação dos líderes.

Poderemos questionar o quão convincentes são as profecias ou quais são sinais evidentes do seu cumprimento mas a Soberania de Jesus é actualmente visível.
Porque não foram as provas suficientes para os fariseus?

Poder-se-á repetir o mesmo julgamento, desta vez dos eruditos do cristianismo face a Bahá’u’lláh.

Sem comentários: