terça-feira, 30 de outubro de 2007

Importância da agricultura

Bahá’u’lláh assevera que “Especial atenção deve ser dada à agricultura”[i]. Numa de Suas Epístolas está revelado:

Enquanto na Prisão de Akka, revelamos no Livro Carmesim aquilo que conduz ao adiantamento da humanidade e reconstrução do mundo. As palavras aí proferidas pela Pena do Senhor da Criação incluem as seguintes afirmações, as quais constituem os princípios fundamentais para a administração dos homens.

Primeiro: Incumbe aos ministros da Casa de Justiça promoverem a Paz Menor, de modo que o povo da Terra seja aliviado do cargo dos desembolsos exorbitantes. Esse assunto é imperativo e absolutamente essencial, desde que hostilidades e conflito são origem da aflição e de calamidades.

Segundo: As línguas devem ser reduzidas a uma língua comum, a ser ensinada em todas as escolas do mundo.

Terceiro: Cumpre ao homem aderir tenazmente aquilo que possa promover amizade, benevolência e unidade.

Quarto: Cada um, seja homem ou mulher, deve entregar a uma pessoa de confiança uma parte daquilo que ele ou ela ganha - por meio de algum ofício, ou mediante agricultura ou outra ocupação - para o ensino e a educação das crianças, sendo tal quantia gasta para esse fim com o conhecimento dos membros da Casa de Justiça.

Quinto: Especial consideração deve ser dada à agricultura. Embora mencionada em quinto lugar, precede os outros assuntos inquestionavelmente. A agricultura está altamente desenvolvida em países estrangeiros mas na Pérsia até agora tem sido lastimavelmente negligenciada. Espera-se que sua Majestade o Xá - que Deus por Sua graça o ajude - dirija a sua atenção a esse assunto de importância vital.”
[ii]

Aliás, acredito que esta Epistola é merecedora de um estudo bastante mais aprofundado do que aquele que é feito aqui.


[i] Conservação dos recursos da Terra, página 22
[ii] Epístola ao Mundo página 102

Sem comentários: