sexta-feira, 9 de março de 2007

Círculo vicioso de investimento

Os países em vias de desenvolvimento acabam por cair num circulo vicioso em que os seus governos despendem o pouco dinheiro que têm em armas em vez de o canalizarem para o desenvolvimento do próprio país, o que provoca o descontentamento social e a revolta das populações. Face a este descontentamento os governos recorrem a medidas autoritárias para controlar essas populações carenciadas e muitas vezes famintas, para este controlo investe-se em armas.

É curioso que, por ironia do destino, as duas nações perdedoras da Segunda Guerra Mundial, o Japão e a Alemanha, sejam hoje dois gigantes económicos que, por estarem proibidas por tratados, de canalizarem os seus recursos paras fins bélicos possam ter investido na educação e industrialização dos seus próprios países.

Os programas de desenvolvimento são muitas vezes executados de costas voltadas para as populações. Estes programas são frequentemente planeados de forma a “importar” a cultura de uma região do planeta completamente diferente, quer sob o ponto de vista social, climatérico ou industrial. Em termos agrícolas o recurso forçado de modelos de outras latitudes poderá ser catastrófico, embora nos países de origem tenha um aparente sucesso.

1 comentário:

Mikas disse...

Nunca tinha visto as coisas desse prisma em relação à Alemanha e ao Japãp, mas não posso deixar de concordar.